Calvin Harris reuniu todos os ingredientes necessários para bombar no verão do hemisfério norte em seu mais novo álbum de estúdio, “Funk Wav Bounces Vol. 1”, incluindo a participação de nomes como Pharrell Williams, Katy Perry, Ariana Grande, Frank Ocean, Migos, Snoop Dogg e diversos outros. Porém, o produtor não conseguiu superar as marcas dos projetos de DJ Khaled e Ed Sheeran em sua estreia.

Ambos os artistas atualmente lideram as paradas americana e britânica de discos (que também receberam “Hydrograd”, de Stone Sour, em suas últimas atualizações), respectivamente, e também marcam presença nas listas de singles. Enquanto Sheeran amplia seu recorde entre as cinco primeiras posições nos Estados Unidos com “Shape Of You”, Khaled permanece em alta com suas duas últimas músicas de trabalho, “I’m The One” e “Wild Thoughts”.

O topo, todavia, ainda é ocupado por “Despacito”, sucesso absoluto de Luis Fonsi e Daddy Yankee com o reforço de Justin Bieber. Pela primeira vez, a faixa lidera a lista de mais reproduzidas nas rádios americanas, tornando-se a primeira canção em espanhol a realizar tal feito na história da parada dos Estados Unidos e expandindo ainda mais sua liderança.

BILLBOARD
ESTADOS UNIDOS

Sem surpresas, “Despacito”, parceria entre os porto-riquenhos Luis Fonsi e Daddy Yankee remixada com a colaboração de Justin Bieber, ocupa a primeira colocação da parada americana de singles pela nona atualização consecutiva. A música se isola ainda mais no topo da lista com aproximadamente 129 mil downloads, 61,2 milhões de execuções em plataformas de streaming e 149 milhões de pontos em airplay, liderando os três componentes de contagem estabelecidos pela Billboard.

Com isso, a canção não apenas se torna a primeira faixa em espanhol a ser a mais reproduzida nas rádios americanas, mas também o 11º single da história da Billboard Hot 100 a ser o mais vendido digitalmente nos Estados Unidos por mais de dez semanas (marca esta que também foi alcançada por “Shape Of You”, de Ed Sheeran, em março).

Enquanto a liderança da tabela se mantém inalterável, duas faixas chegam às dez primeiras posições da tabela. Tratam-se de “Body Like A Back Road”, sucesso country de Sam Hunt que retorna à região ao escalar quatro lugares; e “Unforgettable”, parceria entre French Montana e Swae Lee que ocupa a décima colocação e segue conquistando espaço em território americano após se firmar no Reino Unido.

Surpreendentemente, esta é a primeira das últimas 62 atualizações da Billboard Hot 100 a não ter ao menos um single do The Chainsmokers entre os dez melhores colocados. Com isso, o duo frustra a tentativa de superar o recorde de Katy Perry, que esteve presente pelas posições de destaque por 69 semanas consecutivas entre 2010 e 2011.

Os dez singles com melhor desempenho na Billboard Hot 100 nesta semana são:

1. “Despacito”, Luis Fonsi e Daddy Yankee com Justin Bieber (-)
2. “I’m The One”, DJ Khaled com Justin Bieber, Quavo, Chance The Rapper e Lil Wayne (-)
3. “That’s What I Like”, Bruno Mars (4–3)
4. “Wild Thoughts”, DJ Khaled com Rihanna e Bryson Tiller (3–4)
5. “Shape Of You”, Ed Sheeran (-)
6. “HUMBLE.”, Kendrick Lamar (7–6)
7. “Believer”, Imagine Dragons (6–7)
8. “Body Like A Back Road”, Sam Hunt (12–8)
9. “Congratulations”, Post Malone e Quavo (8–9)
10. “Unforgettable”, French Montana e Swae Lee (13–10)

Graças aos seus altos percentuais de streams pelos Estados Unidos, DJ Khaled permanece no topo da Billboard 200 por mais uma semana com seu recém-lançado álbum de estúdio, “Grateful”. O disco, que conta com mais de trinta participações especiais, reuniu o equivalente à cerca de 70 mil unidades vendidas em sua segunda semana disponível, representando uma queda de 53% em comparação à sua estreia.

“Grateful” é o primeiro álbum a assumir a liderança da Billboard 200 por duas semanas seguidas desde “DAMN.”, de Kendrick Lamar, que esteve à frente da tabela nas três semanas posteriores ao seu lançamento, em abril

Apesar de ter conquistado números suficientes para prosseguir na primeira posição, DJ Khaled obteve o menor índice comercial de um líder da Billboard 200 em quase seis meses. O último registro inferior à tal marca nesse ano foi o de “Starboy”, mais recente trabalho de The Weeknd que somou 56 mil cópias vendidas em janeiro, em sua última atualização não consecutiva no topo.

Com apenas duas mil unidades vendidas a menos, Calvin Harris debutou na vice-liderança da lista com o seu projeto inédito, “Funk Wav Bounces Vol. 1”. Entretanto, mesmo estando abaixo das expectativas comerciais, o álbum se torna o título de melhor desempenho do DJ na parada americana, superando seu antecessor, “Motion”, que debutou no quinto lugar em 2014.

Abaixo do escocês, o único lançamento da semana entre os dez discos melhor posicionados nos Estados Unidos é “Hydrograd”, novo trabalho de estúdio do Stone Sour. A banda liderada por Corey Taylor registrou 33 mil unidades comercializadas com o álbum, debutando na oitava colocação e superando seu antecessor, “House Of Gold & Bones: Part 2”, de 2013.

Também se destacam nesta atualização os percentuais positivos de Ed Sheeran, que sobe dois degraus após o início de sua turnê americana, e Bruno Mars, que continua ascendendo com as vendas de seu último disco, “24K Magic”.

Confira como são ocupadas as dez primeiras colocações da Billboard 200:

1. “Grateful”, DJ Khaled (-)
2. “Funk Wav Bounces Vol. 1”, Calvin Harris (*)
3. “DAMN.”, Kendrick Lamar (-)
4. “Evolve”, Imagine Dragons (2–4)
5. “÷”, Ed Sheeran (7–5)
6. “Pretty Girls Like Trap Music”, 2 Chainz (5–6)
7. “24K Magic”, Bruno Mars (9–7)
8. “Hydrograd”, Stone Sour (*)
9. “More Life”, Drake (8–9)
10. “Moana (Original Motion Picture Soundtrack)”, trilha sonora de “Moana: Um Mar de Aventuras” (-)

OFFICIAL CHARTS
REINO UNIDO

Com a chegada de seu novo álbum de estúdio, Calvin Harris presenciou sua atual música de trabalho, “Feels”, ser catapultado em direção aos primeiros lugares da tabela britânica de singles. A canção, produzida ao lado de Pharrell Williams, Katy Perry e Big Sean, agora se encontra no sexto posto da lista, tornando-se assim a segunda faixa eletrônica de melhor desempenho no Reino Unido.

O único single do gênero a superar Harris é “Mama”, colaboração entre Jonas Blue e William Singe que supera seu recorde pessoal na tabela ao assumir o quarto lugar. Além do produtor, duas outras artistas também alcançaram novas posições de pico nesta semana: Rita Ora e Maggie Lindemann.

Provando seu sucesso comercial em sua terra natal, Rita Ora escalou três degraus rumo à sétima colocação com o seu último lançamento, “Your Song”. Já Maggie Lindemann, revelação americana de apenas 18 anos, ocupa o nono lugar da lista com o seu primeiro single de sucesso, “Pretty Girl”.

Apesar das mudanças, a liderança no Reino Unido ainda pertence ao remix de “Despacito”, hit de Luis Fonsi e Daddy Yankee impulsionado pela participação especial de Justin Bieber (que também aparece no décimo degrau da lista com “2U”, de David Guetta). O sucesso latino obteve cerca de 30 mil vendas digitais e 7,2 milhões de reproduções em serviços de streaming ao longo da última semana, posicionando-se à frente da parada pela oitava atualização não consecutiva.

Contudo, o domínio duradouro de “Despacito” pode ser ameaçado na próxima semana devido ao crescimento comercial do último single de DJ Khaled, “Wild Thoughts”, reforçado pela presença de Rihanna e Bryson Tiller. A canção, atualmente na segunda posição, tem visto seus números ascenderem nas últimas atualizações, e agora pode se tornar a segunda faixa do produtor americano a assumir o topo do Official Charts.

Com isso, as dez primeiras colocações da tabela britânica de singles são ocupadas pelas seguintes músicas:

1. “Despacito”, Luis Fonsi e Daddy Yankee com Justin Bieber (-)
2. “Wild Thoughts”, DJ Khaled com Rihanna e Bryson Tiller (-)
3. “Unforgettable”, French Montana e Swae Lee (4–3)
4. “Mama”, Jonas Blue e William Singe (5–4)
5. “Strip That Down”, Liam Payne e Quavo (6–5)
6. “Feels”, Calvin Harris com Pharrell Williams, Katy Perry e Big Sean (21–6)
7. “Your Song”, Rita Ora (10–7)
8. “Power”, Little Mix e Stormzy (9–8)
9. “Pretty Girl”, Maggie Lindemann (12–9)
10. “2U”, David Guetta e Justin Bieber (8–10)

Assim como nos Estados Unidos, Calvin Harris foi impedido de chegar à primeira colocação da tabela britânica de discos. O mais recente trabalho do produtor, “Funk Wav Bounces Vol. 1”, foi superado por “÷”, último disco de Ed Sheeran que anota sua 13ª semana não consecutiva no topo do Reino Unido.

Com a nova marca, o cantor iguala o desempenho do álbum ao de seu antecessor, “X”, que também foi líder da tabela por 13 atualizações. Atualmente, o título se encontra na décima colocação da lista, alavancado pela recente performance de Ed no Glastonbury como uma de suas atrações principais.

“Funk Wav Bounces Vol. 1” é o segundo título consecutivo de Calvin a debutar na vice-liderança do Official Charts, sucedendo “Motion”. O DJ escocês já chegou ao topo em duas ocasiões passadas: em 2009 com “Ready For The Weekend” e em 2012 com “18 Months”.

Além de Harris, o segundo nome a aparecer na lista com um novo lançamento é o Stone Sour. O recém-lançado trabalho de estúdio do grupo, “Hydrograd”, debuta diretamente no quinto lugar, impedindo um avanço ainda maior da coletânea de sucessos dos Bee Gees, que sobe para a sexta posição nesta semana.

Os dez discos melhor colocados na última atualização da parada britânica são:

1. “÷”, Ed Sheeran (-)
2. “Funk Wav Bounces Vol. 1”, Calvin Harris (*)
3. “Human”, Rag’n’Bone Man (5–3)
4. “How Did We Get So Dark?”, Royal Blood (-)
5. “Hydrograd”, Stone Sour (*)
6. “Timeless: The All-Time Greatest Hits”, Bee Gees (9–6)
7. “Evolve”, Imagine Dragons (3–7)
8. “Truth Is A Beautiful Thing”, London Grammar (-)
9. “Greatest Hits”, Foo Fighters (6–9)
10. “X”, Ed Sheeran (12–10)


 

Com a disponibilização de “4:44” para compra digital, é esperado que Jay-Z desponte entre os primeiros postos das paradas americana e britânica após limitar seus números aos streams no TIDAL, plataforma onde o disco foi inicialmente liberado de maneira exclusiva no dia 30 de junho.

O rapper disputará as posições de destaque junto à outros lançamentos de destaque, tais como “Something To Tell You”, novo trabalho do HAIM que pode debutar no topo da tabela britânica, e “Issa Album”, título de estreia de 21 Savage que tem reunido bons números de vendagem nos Estados Unidos.

Em questão de singles, Kesha tem chances de estrear em evidência com a sua aguardada nova música de trabalho, “Praying”. Da mesma forma, Zedd e Liam Payne devem garantir uma das dez primeiras colocações no Reino Unido com “Get Low”, parceria entre ambos disponibilizada na semana passada.

Comentários

Mais lidas
Alguns direitos reservados / 2013 - 2017.
Desenvolvido por Lucas Mantoani.